Explosão em fábrica de fogos deixa vários feridos e polícia já está investigando

Em Juazeiro do Norte, no Ceará, uma fábrica clandestina de fogos de artifício estava funcionando sem autorização dentro de uma residência e após uma forte explosão várias pessoas ficaram feridas e precisaram ser levadas para o hospital.

Empresas que trabalham com fogos de artifícios precisam ser devidamente registradas e devem atender a uma série de exigências justamente para evitar que casos como este aconteçam.

A explosão poderia ter ferido muito mais pessoas e até deixado mortos, por isso a fiscalização precisa ser intensa e quem souber de algo deve denunciar a situação às autoridades.

O Corpo de Bombeiros esteve no local e confirmou que o proprietário não tinha autorização para produzir os fogos de artifícios e que o local não atendia às exigências para garantir a segurança dos funcionários. A polícia já está investigando o caso e acredita que alguma faísca pode ter acabado detonando alguns explosivos e com isso quase toda produção foi acionada.

A fábrica clandestina de fogos de artifício estava localizada no bairro de Frei Damião e cinco pessoas estavam dentro da casa quando houve a explosão. Todos se queimaram e precisaram ser atendidos pelas equipes de resgate sendo levados imediatamente para ao hospital. Um homem que morava na casa vizinha também ficou ferido ao ser atingido pelos fogos e assim como os outros, foi levado para a unidade hospitalar.

O Hospital Regional de Juazeiro do Norte divulgou um boletim informando que uma das vítimas teve mais de 50% do corpo queimado e seu estado é grave, enquanto os outros seguem internados e em observação, mas não correm risco de morte.

A casa onde houve a explosão foi completamente destruída e a polícia agora investiga quem era o responsável pela fábrica clandestina que funcionava no local.